Laptop Assistência

[91] 3224-5268

[91] 8179-4453 (tim)

  • Facebook Black Round
  • Instagram Black Round
  • Twitter Black Round

Saiba como Apple, Google e Facebook rastreiam seus dados na Internet

14/10/2014

 

Facebook, Google e Apple têm métodos de rastreamento de navegação dos usuários que vão além dos tradicionais cookies. Especialmente após o grande boom dos dispositivos móveis. Foi preciso criar novas maneiras de monitorar as pessoas, já que os cookies só funcionam em browsers, e não em apps.

 

Por isso, o Facebook, por exemplo, tem o seu próprio SSO (Single Sign-On), que permite que se utilize os dados de login do Facebook em outros sites ou aplicativos. Quando o usuário faz isso, o Facebook pode ver, seguir e catalogar os locais que você acessou e fazer anúncios direcionados no seu feed.

 

O Google também utiliza o mesmo sistema com suas Contas Google. Fazer login em um serviço já conecta o usuário a toda a rede da gigante de buscas. No Android, cada usuário tem um Ad ID. Ou seja, uma identificação de publicidade. Com isso, é possível analisar não só os dados de serviços próprios como também o histórico de navegação.

 

Já a Apple tem o foco um pouco diferente. A empresa se baseia no e-mail e na conta do iTunes do usuário. A identidade de login do usuário possui uma integração ao IDFA, que é o sistema de anúncios da Apple. Por isso, quando um usuário visualiza uma publicidade, a empresa sabe exatamente o que é e qual foi a reação da pessoa.

 

Além disso, muitas empresas também buscam soluções de terceiros, como o LiveRamp, que tem seus métodos próprios para rastrear hábitos de internautas somente precisando de seus endereços de e-mail. A princípio, parece não haver saída.

 

Entretanto, vale lembrar que, especialmente no Android e no iOS, é possível desativar o rastreamento no menu de configurações do sistema.

 

Assistência de Notebook em Belém - [91] 32245268 | 81794453 (tim)

Via: Venture Beat

Please reload

Notícias em destaque

Saiba como salvar um celular molhado

04/03/2015

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo de notícias